Categorias
Notícias

Fampepar alerta para prejuízos do lockdown

A Fampepar, que representa as entidades de microempresas, MEIs, artesãos e pequenas empresas do Paraná vê com grande apreensão o loockdown determinado pelo governo do estado do Paraná, nesta sexta-feira.

Assim como a Faciap, a Fampepar alerta para os prejuízos irreversíveis às empresas justamente no momento em que se preparavam para uma retomada.

Para a Fampepar, as empresas estão pagando pela irresponsabilidade de pessoas que não atendem as medidas de isolamento e a ineficiência da fiscalização, que não conseguiu impedir as ocorrências que geraram o atual quadro de descontrole da covid-19, no Paraná.

Categorias
Notícias

Dirigentes da Fampepar eleitos coordenadores de comitês temáticos do Fórum Permanente nacional

O Fórum Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Ministério da Economia elegeu nesta quarta-feira, 24, os coordenadores dos comitês temáticos.
O presidente da Conampe, Ercílio Santinoni, que também preside a Fampepar, estará na coordenação do Comitê Temático dos Microempreendedores Individuais (MEIs). O 1º vice-presidente da Conampe, Helio Rodrigues de Almeida, e o 2º vice-presidente da Conampe, Jonas Bertão, membro da diretoria da Fampepar, estarão na coordenação do Comitê Temático de Racionalização Legal e Burocrática. Mauro Leônidas, vice-presidente da Confederação, será o coordenador do Comitê Temático de Formação e Capacitação Empreendedora.
O Fórum tem seis comitês temáticos, integrados por representantes da iniciativa privada, órgãos governamentais e instituições apoiadoras dos pequenos negócios: Racionalização Legal e Burocrática; Investimento e Financiamento; Formação e Capacitação Empreendedora; Tecnologia e Inovação; Comércio Exterior; e Disseminação, Informação e Capacitação. As reuniões dos comitês são bimensais.
As micro e pequenas empresas de todos os setores estão cada vez mais articuladas e participativas, buscando influir nas políticas públicas do País. A Conampe, que, ao lado da Fampepar e outras entidades do seu sistema nacional, foi uma das articuladoras para a criação do Fórum, há muitos anos, sempre participou de forma intensa e dedicada das suas atividades, apresentando propostas com o objetivo de ampliar os ambientes favorecidos, simplificados e difrenciados para os pequenos negócios.

Fale com a Conampe/Fampepar:
Tem alguma dúvida? Pergunte para a Conampe.
Escreva para contato@conampe.org.br ou mande um WhatsApp para (41) 99789-8127

Categorias
Notícias

Lançamento do Lojampe, o portal de vendas online da Conampe

Nesta quinta-feira, 25 de fevereiro, a Conampe realizará o evento digital de lançamento do Lojampe, o portal de vendas online dos pequenos negócios, no Brasil.
A partir de agora as microempresas, os MEIs, os artesãos e as pequenas empresas pode ter as suas lojas para vendas online, sem custo para criar a loja.
Contarão, ainda, com todo a assessoria, desde a implantação da loja, o marketing de vendas e promoções, propaganda e apoio para a administração da loja no portal.
Com o Lojampe os pequenos poderão ter as suas lojas vendendo na internet. Oportunidade para transformar sonhos em realidade, para ter acesso a mercados, novos clientes e mais vendas!

Participe desse evento digital, faça as suas perguntas, saiba mais e se inscreva para participar do Lojampe.
Esperamos você no nosso lançamento, dia 25, quinta-feira, 19 horas.

Faça aqui a sua inscrição.

Categorias
Sem categoria

Conampe lança o portal de vendas online Lojampe

A Conampe lançou o Lojampe, um portal de vendas online planejado para os pequenos negócios. As empresas não terão custo para colocar as suas lojas no portal e também contarão com assessoria gratuita das equipes da confederação. A oportunidade é única e pretende colocar na internet centenas de lojas e prestadores de serviços, de todas as regiões do Brasil.

Para participar é muito simples. Basta clicar AQUI e se inscrever.
Equipes da Conampe farão contato.

Esperamos você e a sua loja ou empresa no Lojampe!
Inscreva-se hoje mesmo!

Categorias
Notícias

AntecipaGov facilita o crédito para fornecedores do governo federal

Para os fornecedores que possuem contratos ativos com a Administração Pública Federal está disponível o AntecipaGov, um programa de antecipação de recebíveis, que permite a utilização de contratos administrativos como garantia para fazer empréstimos e financiamentos em instituições financeiras credenciadas pelo Ministério da Economia.
A antecipação de crédito pode ser no valor correspondente a até 70% do que o fornecedor ainda tem a receber. O programa, desenvolvido pelo Serpro, traz mais segurança para instituições financeiras e mais simplicidade, agilidade e economia na antecipação de crédito aos fornecedores.
A SEPEC Ministério da Economia ressalta que o AntecipaGov é mais uma das ações em uma ampla estratégia do Governo do Brasil para ampliar o acesso ao crédito empresarial no Brasil.

O presidente da Conampe, Ercílio Santinoni. considera o AntecipaGov uma solução para a inadimplência do setor público com as MPEs. Ele defende que a medida seja reivindicada aos Estados e Municípios.
Sem dúvida a anteicipação é de grande importância para as empresas fornecedoras do setor público, no caso, do Governo Federal.

Tem alguma dúvida? Pergunte para a Conampe.
Escreva para contato@conampe.org.br ou mande um WhatsApp para (41) 99789-8127

Categorias
Notícias

Conampe Responde: Microempresas também podem exportar? Pergunte como e a gente responde!

No webinar Conampe Responde dessa quinta-feira, dia 11 de fevereiro, às 19 horas, essa pergunta será respondida.
Comércio exterior, vender para outros países, isso parece que não é um tema para microempresas, MEIs e artesãos. Porém, os empresários precisam saber: muitos pequenos estão encontrando um caminho de sucesso na internacionalização dos seus negócios.
Microempresas, artesãos e pequenas empresas podem encontrar neste comércio novos mercados, vendas e negócios.

Como? Não perca o nosso evento gratuito e online dessa quinta-feira, dia 11 de fevereiro, às 19 horas.

A moderação será feira pela administradora Adriana Cordeiro, coordenadora de Internacionalição do programa Associativismo 4.0 para Acesso a Mercados.
Os convidados são:
ALFREDO KLEPER LAVOR – Economista, focado em comércio internacional e inovação. Fundador da startup Intradebook que é uma plataforma de negócios internacionais aprovada pelo ITC/ONU/OMC e com usuários em 140 países. Mentor dos programas 100OpenStartups, Salto Aceleradora e SINOVA UFSC Startup Mentoring. Formado em Economia pela Universidade Federal de Santa Catarina e graduado no Founder Institute.
GUSTAVO REIS MELO – Um dos coordenadores da temática “Internacionalização” no SEBRAE Nacional, com experiência com projetos para aumento de competitividade e inserção de micro e pequenas empresas em cadeias de valor de grandes empresas, desenvolvimento de cadeias produtivas, arranjos produtivos locais/territórios. CEO da Inspira Comunicação, empresa especializada em transformar propósitos em marcas inspiradoras”. Formado em Administração pelo Centro Universitário do Distrito Federal  (UDF), MBA em Administração de Empresas (FGV)  e Desenvolvimento de Cadeias Produtivas (OIT).

As inscrições são gratuitas. Faça a sua agora mesmo: CLIQUE AQUI

Tem mais alguma dúvida? Pergunte para a Fampepar/Conampe.
Escreva para contato@conampe.org.br ou mande um WhatsApp para (41) 99789-8127

Categorias
Notícias

Fampepar também quer pedágio pelo menor preço e sem outorga

A Fampepar é a favor do modelo de concessão de rodovias que envolve apenas o menor preço, em que a empresa que oferecer a tarifa de pedágio mais baixa ganha a concessão. “Precisamos garantir preço justo para os paranaenses, sem criar mais custos para a sociedade”, afirma o presidente da Fampepar, Ercílio Santinoni. Esta posição está sendo divulgada pela federação para todas as suas entidades, em todas as regiões do Paraná.

Para o presidente da Fampepar, o valor do pedágio tem a ver com a competitividade do Paraná, que sofre, desde 1998, com uma tarifa muito elevada e com o atraso em obras de contrapartida, outro prejuízo aos paranaenses.

A proposta apresentada pelo Ministério dos Transportes prevê que, além do menor preço, o maior valor de taxa de outorga seja o critério para definir as empresas vencedoras da licitação.

A Fampepar concorda com a Faep, entidade que representa os produtores rurais, que publicou nota com o seguinte alerta: “Na prática, a cobrança de outorga é um imposto indireto aos usuários e produtores rurais, e vai na direção oposta à que defendemos há tanto tempo, de enxugar ao máximo a tarifa”.

“Somos a favor de um modelo que seja justo a todos, sem criar mais cobranças para a sociedade e para o produtor ver seus ganhos, que já são muito apertados, diminuírem. O edital precisa estabelecer prazos curtos para duplicação nos principais trechos do Estado, nas saídas para os portos de Paranaguá e Santos e para o mercado interno, principalmente rodovias para a região Sudeste”, disse o presidente da FAEP, Ágide Meneguette.

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), membro da Frente Parlamentar sobre o Pedágio, da Assembleia Legislativa do Paraná, destacou o posicionamento da Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep) de defender que as novas concessões de pedágio no Paraná busquem o menor preço das tarifas, com a realização das obras no curto prazo e sem a cobrança de taxa de outorga.

“É o modelo que estamos defendendo. Um pedágio com tarifas mais baixas, com tarifas justas e com obras que garantam a competitividade dos produtos e da economia paranaense. A taxa de outorga nada mais é do que um imposto indireto que vai pesar no bolso de todos os usuários”, disse Romanelli.

A Frente Parlamentar tem realizado audiências públicas em todas as reigões do Paraná, para ouvir a sociedade sobre as novas concessões. A primeira audiência foi realizada em Cascavel, com participação e mobilização da Amic, associação do sistema Fampepar/Conampe, liderada pela presidente Sonia Regina Xavier.

Veja a transmissão deste evento, na TV Assembleia:
https://youtu.be/0w1vj3djFzg

Categorias
Notícias

Microempresas e MEIs podem vender na internet? Tem surpresa boa no evento de hoje, às 19 horas

Os pequenos podem aumentar as suas vendas utilizando a internet? Com certeza! As vendas online são uma tendência e duplicaram no Brasil, no ano passado.
No webinar Conampe Responde dessa quinta-feira, 4 de fevereiro, às 19 horas, a jornalista Mônika Vieira e o especialista em comércio e vendas João Neto vão falar sobre as tendências das vendas pela internet e anunciar uma solução criada pela Conampe para que todas as microempresas, MEIs e pequenas empresas possam ter a sua loja virtual e contar com um apoio especializado.

Não perca o evento de hoje, às 19 horas!

As inscrições são gratuitas. Faça a sua agora mesmo – clique aqui

Esperamos você hoje, às 19 horas!